CPFL Energia inova em iniciativa de reflorestamentos para preservação da biodiversidade no Estado de São Paulo

CPFL Energia inova em iniciativa de reflorestamentos para preservação da biodiversidade no Estado de São Paulo

21 de setembro de 2017 0 comentários

Programa Preserva minimiza os impactos do setor elétrico e reforça o compromisso socioambiental do Grupo com as suas comunidades

 

A CPFL Energia, maior grupo privado do setor elétrico brasileiro, desenvolveu modelo de gestão pioneiro para tornar mais perene as suas ações ambientais. Batizado de Programa Preserva, a iniciativa trouxe novo conceito de conservação da biodiversidade e preservação ambiental, unificando em unidades de conservação selecionadas os termos de compromisso de recuperação ambiental firmado pelo Grupo no licenciamento de seus projetos. O projeto conta com aval da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb).

Nos últimos cinco anos, a CPFL Energia realizou o plantio de 134,334 mil mudas em Unidades de Conservação no Estado de São Paulo, bem como o manejo e preservação de 482 hectares de floresta, equivalente a 584 campos do Estádio do Maracanã. O Grupo CPFL Energia vem restaurando as áreas da Estação Ecológica de Santa Maria, da Estação Experimental de Luiz Antônio e do Parque Estadual da Serra do Mar, localizadas no Estado de São Paulo. As espécies plantadas incluem ipês, jequitibás, perobas, palmito juçara, açoita cavalo, entre outras.

O Programa Preserva reforça o compromisso do Grupo CPFL em mitigar o impacto ambiental de suas atividades e traz maior relevância ecológica nas reposições florestais. Antes, as compensações geravam fragmentos florestais de pequeno porte e espalhados pelos municípios da área de concessão das distribuidoras do Grupo CPFL. A companhia já investiu R$ 6,3 milhões no Programa Preserva.

Além de ampliar a efetividade ambiental do reflorestamento, a nova metodologia adotada pela CPFL Energia tornou mais eficiente o uso dos recursos financeiros aplicados em meio ambiente. O custo por hectare dentro da iniciativa é 50% mais barato do que no conceito anterior, conhecido como plantio pulverizado.

Segundo o diretor de Sustentabilidade da CPFL Energia, Rodolfo Sirol, essas ações visam não só o cumprimento da legislação, mas potencializar os benefícios ao meio ambiente e sociedade. “Buscamos constantemente o aprimoramento de nossas políticas ambientais, e trabalhar em parceria com os órgãos públicos nos estimula a encontrar soluções inovadoras”, destaca o executivo.

 

Ações ambientais na área de geração

Por meio de suas participações em concessionárias de geração, a CPFL Energia também levou o Programa Preserva para o Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Nesses estados, a iniciativa é desenvolvida pelas concessionárias das hidrelétricas Barra Grande e Novos Campos, em conjunto com os proprietários rurais vizinhos às usinas. O projeto já rendeu premiações pelas melhores práticas de gestão adotadas em relação à proteção de Áreas Permanentes de Preservação (APPs).

Outra importante ação voltada à recuperação do meio ambiente foi a adesão ao “Programa Nascentes”, do Governo de São Paulo, em 2016. Trata-se da inserção do projeto de controle de plantas exóticas na Estação Ecológica de Santa Maria, aprovado pelo Comitê Gestor do Programa e pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente, para a conservação dos recursos hídricos.

O “Programa Nascentes” tem por objetivo direcionar investimentos públicos e privados para a proteção e a recuperação de matas ciliares no Estado de São Paulo, contribuindo, além da conservação dos rios, para a preservação da biodiversidade.

 

Sobre a CPFL Energia

A CPFL Energia, há 104 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização e serviços. Desde janeiro de 2017, o Grupo faz parte da State Grid, estatal chinesa que é a segunda maior organização empresarial do mundo e a maior companhia de energia elétrica, atendendo 88% do território chinês e com operações na Itália, Austrália, Portugal, Filipinas e Hong Kong.

Com 14,3% de participação, a CPFL Energia é líder no mercado de distribuição, totalizando mais de 9,1 milhões de clientes em 679 cidades, entre os estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná. Na comercialização, é uma das líderes no mercado livre, com participação de mercado de 14,1% na venda para consumidores finais. É líder na comercialização de energia incentivada para clientes livres entre as comercializadoras.

Na geração, é a terceira maior agente privada do País, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis, como grandes hidrelétricas, usinas eólicas, térmicas a biomassa, Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH) e usina solar. Considerando a participação acionária na CPFL Renováveis, maior empresa de geração da América Latina a partir de fontes alternativas de energia, a capacidade instalada do Grupo CPFL alcançou 3.258 MW, no final do primeiro trimestre de 2017.

A CPFL Energia possui ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, além de participar do Índice Dow Jones Sustainability Index Emerging Markets. Pelo 12º. ano consecutivo, as ações da companhia integram a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros, por meio do Instituto CPFL.

Nenhum comentário até o momento

Ir para uma conversa

Ainda não há comentários!

Você pode ser o primeiro a iniciar uma conversa.

Seus dados estarão seguros!O seu endereço de e-mail não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com terceiros.