Por Alef Gabriel

A Body Piercer Ellen Prado, profissional da Vip Tattoo de Valinhos, foi campeã no maior evento de tatuagem e piercing do mundo, a Tattoo Week 2018 em São Paulo. Ellen ficou em 1º na Categoria Procedimento no último domingo, 21, realizando colocação de piercing em frente aos maiores jurados da área no Brasil.

O prêmio é uma exclusividade para região, já que nunca em Valinhos algum profissional havia alcançado esse destaque. A Tatto Week acontece há oito anos em São Paulo, reunindo profissionais do ramo da tatuagem e piercing do Brasil e do mundo todo. Considerado o maior evento do mundo voltado para área, anteriormente era realizado no Expo Center Norte, e esse ano devido ao seu crescimento, foi realizado no São Paulo Expo, 92 mil pessoas visitaram o evento, que recebeu 3.500 profissionais da pele de todo o mundo.

A convenção conta com espécies de disputas profissionais, onde são reconhecidos os melhores profissionais e as melhores performances. As categorias são divididas por estilo, como por exemplo, tatuagem realista, Maori, Pontilhismo, entre outras, são mais de 20 categorias. Na modalidade de piercing, são dividas em duas categorias, Piercing Siméstrico (onde analisa a simetria na aplicação) e a principal categoria Piercing Melhor Procedimento (analisa a segurança na aplicação) onde a valinhense Ellen Prado do estúdio Vip Tattoo foi campeã.

A Body Piercer vai completar dois anos que está nessa profissão e já possui sete troféus. Um deles, o mais recente e mais importante na maior convenção do mundo. Seu marido Rodrigo Donandon proprietário da Vip tattoo está a 18 anos tatuando na cidade de Valinhos e possui 22 troféus durante sua carreira como profissional na tatuagem. O estúdio fica no centro de Valinhos na Rua vinte e oito de maio, loja 10.

É a primeira vez que Ellen participou dessa competição, mas conta que já vem estudando há um tempo para o evento, já que o nível crítico de profissionalismo é muito alto (a aplicação é feita em frente aos jurados) e há uma grande competividade com profissionais do Brasil todo, inclusive um dos jurados era André Meyer, primeiro Body Piercer do Brasil. Ela conta que esse prêmio significa muito para sua carreira profissional, e traz junto muito respeito entre os Body Piercer do Brasil.

A campeã comenta que os clientes do estúdio onde trabalha comentam muito sobre o resultado e que torcem bastante pelo seu sucesso, “Pretendo continuar participando. Isso faz com que conhecemos pessoas novas da mesma atividade e com isso aprendemos muito com elas”, finaliza a Body Piercer.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

CAPTCHA