Motorista avança sobre moradores da ocupação “Marielle Vive” em Valinhos

Acidente ocorreu na manhã desta quinta-feira. Vítima fatal é um idoso de 72 anos.

0
1030

Na manhã desta quinta-feira, por volta das 8h, um motorista (ainda não identificado) atropelou várias pessoas em frente ao Acampamento Marielle Vive, em Valinhos.

O fato ocorreu em meio a uma manifestação dos ocupantes do movimento na Estrada dos Jequitibás. O ato era um pedido para a Prefeitura de Valinhos para que forneça água ao local e distribuía alguns panfletos, além de sementes e hortaliças produzidas no local.

Segundo informações colhidas no local, o motorista (um senhor de cabelos grisalhos) de uma caminhonete Mitisubishi modelo L200 de cor preta, saiu de trás de um ônibus parado no local e acelerou seu veículo “passando por cima” dos manifestantes. Um deles, o sr Luiz, de 72 anos, foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. O motorista fugiu sentido Itatiba pela estrada sem prestar socorro.

O MST divulgou uma nota sobre o assunto. Veja abaixo:

Na manhã desta quinta-feira (18), as famílias do Acampamento Marielle Vive em Valinhos (SP), integrantes do MST realizavam uma manifestação com entrega de alimentos na Estrada do Jequitibá, KM 07, em frente ao Acampamento, quando foram surpreendidas por um homem com uma caminhonete em alta velocidade que jogou o veículo contra os manifestantes. Existem vários feridos e uma pessoa infelizmente foi a óbito, o senhor Luiz.

A manifestação tinha como objetivo uma questão humana básica: pressionar a prefeitura por fornecimento de água. As famílias também lutam pelo direito de Reforma Agrária.

O Acampamento conta com mais de mil famílias e existe desde o dia 14 de abril de 2018 na Fazenda Eldorado Empreendimentos Ltda.

Exigimos punição imediata a este assassino, que age sob o clima de terror conta os movimentos populares, incentivado por autoridades irresponsáveis que estão no governo brasileiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

CAPTCHA