Palmeiras conquista bicampeonato brasileiro em virada histórica na era dos pontos corridos

O Palmeiras fecha o Campeonato Brasileiro com um empate de 1 a 1 contra o Cruzeiro, confirmando seu título bicampeão consecutivo, totalizando 12 vezes. O Verdão, liderado pelo genial Abel Ferreira, superou desafios ao longo da temporada, conquistando a maior virada da história dos pontos corridos.

Foto: Fabio Menotti / Palmeiras

A trajetória começou com a queda na Copa do Brasil e a eliminação na Libertadores, mas o Palmeiras, impulsionado pela paixão e talento de jogadores como Endrick, deu a volta por cima. A vitória não apenas consagra o time como bicampeão, mas também destaca Abel Ferreira como o segundo técnico mais vitorioso da história palmeirense.

A possível despedida de Abel, que tem propostas milionárias do Al-Sadd, do Catar, deixa a torcida ansiosa pelos próximos capítulos. O título renderá R$ 10 milhões em bônus da Crefisa e um prêmio de R$ 47,8 milhões da CBF, destinados a abater dívidas com a patrocinadora.

Já o jovem Endrick, aos 17 anos, brilha na arrancada do Palmeiras e conquista seu quarto título como profissional, acumulando troféus do Campeonato Paulista de 2023, a Supercopa do Brasil do mesmo ano e os Brasileiros das últimas duas temporadas.

Leia anterior

Santos sofre derrota crucial contra o Fortaleza e encara o rebaixamento inédito

Leia a seguir

Papai Noel dos Correios amplia prazo para realizar sonhos de natal