Como se define alguém bem-sucedido?

O que é, para você, ser uma pessoa bem-sucedida? Recebi tal provocação há alguns dias e fiquei aqui com ela, ruminando, ainda sem obter uma resposta clara e objetiva; talvez ela nem exista, ou se ela exista; talvez eu não a encontre, mas enfim. Você gostaria de, junto a mim, refletir sobre isso? Posso contar com sua companhia? Ótimo, venha comigo!

A pessoa que mencionou a expressão “ser bem-sucedido” tem como métrica status, seguidores, vida pública e obviamente dinheiro. O que você acha de tais pontos: eles são determinantes em si mesmos para dizer se alguém é, de fato, uma pessoa bem-sucedida?

Ser bem-sucedido implica em dividir tal análise nos papéis que exercemos ao longo da vida, como o de pai, mãe, como o de profissional, como o de filho, de algum grau de parentesco, como alguém que tem saúde, que tem tempo, que vive o presente sem sofrer com ansiedade e depressão… O que é ser bem-sucedido? Adianta ter milhões na conta bancária e estar diagnosticado com um câncer tendo no máximo 30 dias de vida? Adianta ter milhões de seguidores, mas não saber quem de fato é interesseiro, e quem de fato é seu amigo e continuará com você mesmo se você perder tudo?

Ser bem-sucedido limita-se a dinheiro e status? Será que alguém que é aposentado ganhando um salário mínimo pode sim viver com seu cônjuge feliz, vendo novela, e recebendo visita dos filhos que possam lhes proporcionar esporadicamente um churrasco em família? Tal casal, com um salário mínimo, com saúde, vendo seus filhos saudáveis e felizes podem ser considerados pessoas bem sucedidas? Dê a si sua genuína opinião. É importante você desligar o piloto automático dessa temática, parar, respirar e refletir sobre ela, pois é de grande valia para o andar da carruagem nessa longa estrada da vida. Você vive para si ou para agradar os outros? Vive para lucrar ou para ser feliz?

Desde quando seguidores em redes sociais são sinônimos de reconhecimento, fama, dinheiro, acolhimento? Hoje se pode comprar seguidores falsos, e dizer que você é uma grande celebridade, referência na sua área. Aqui consigo fazer menção ao grande escritor e psiquiatra brasileiro Augusto Cury que escreveu: “… era tão pobre, tão pobre que só tinha dinheiro!”. Eu poderia aqui ousar e continuar tal frase dizendo que tal pessoa era tão malsucedida que lhe faltava o afeto da família e dos verdadeiros amigos, que lhe faltava saúde e tempo para passar com as pessoas que ama, sem se preocupar com o ter, muito menos com o parecer, focando única e exclusivamente no ser.

E aí meu caro leitor, minha cara leitora, o que é ser uma pessoa bem-sucedida para você? Qual a métrica que rege sua opinião acerca dessa indagação? Preocupa-se em agradar, em ser aceito, em sentir-se pertencente, perdendo uma identidade que demorou anos para construí-la única e exclusivamente para ser notado e em decorrência disso ser visto como uma pessoa bem sucedida? O que é ser bem sucedido? É possível separar por áreas e papeis? É possível uma resposta pronta, acabada? Como disse nas primeiras linhas, repito meu posicionamento: não se há uma resposta simplista, talvez eu não a encontre, e a vida se segue enquanto a busco pela estrada da vida, sem me esquecer de viver, aproveitando a trajetória dessa viajem pela vida. O que é ser bem sucedido para você que até aqui me acompanhou?

Leia anterior

Infernos

Leia a seguir

Centro de Convivência do Idoso de Valinhos encerra ano com espetáculo teatral gratuito