Tradições natalinas ao redor do mundo

Cada lugar possui uma cultura diferente

No Brasil as comemorações natalinas estão presentes a tanto tempo na cultura que é algo visto como comum. Por ser um país cristão, é uma das celebrações mais importantes do ano, e costumes como, presentear familiares, decorar a árvore de Natal, comer a ceia no dia 24 de dezembro, às 00:00, ou esperar pelo Papai Noel são naturais nessa época do ano. Porém, nem todos os países são assim.

Cada lugar possui uma cultura diferente, um prato típico e até um feriado mais comemorado. Por exemplo, nos Estados Unidos a cultura do Natal é mais intenso do que no Brasil. As casas e cidades recebem diversos enfeites e decorações que podem demorar até dias para serem colocados. Além disso, as árvores natalinas são reais, normalmente pinheiros, e não artificiais. Elas são montadas uma semana após o Thanksgiving.

A data mais importante é o dia 25 de dezembro, quando os presentes são abertos pela manhã e servido o almoço de Natal. Ao contrário do Brasil, onde a ceia é compartilhada em família no dia 24 de dezembro, seguida pela troca de presentes à meia-noite.

Umas das comidas típicas de Natal nos EUA são os gingerbread, os biscoitos de gengibre. São muito feitos em formatos de bonequinho e até recebem casinhas de biscoito comestíveis. Além disso, há o Eggnog, uma bebida à base de ovo, leite, noz-moscada e açúcar. Para os adultos, é uma opção adicionar conhaque, uísque ou rum.

É importante ter conhecimento das muitas pluralidades do Natal

Já na Colômbia o início do Natal é marcado pelo Día de las Velitas, Dia das Pequenas Velas, que acontece no dia 7 de dezembro. Muitas velas são alinhadas pelas ruas para iluminar o caminho de Maria, mãe de Jesus, enquanto ela visita casa por casa para abençoá-las.

Outra tradição religiosa do país é a reza das novenas, uma prática que acontece entre os dias 16 e 24 de dezembro em celebração ao nascimento de Jesus. As famílias normalmente rezam em companhia de amigos e vizinhos. Essas reuniões chamam-se Novenas de Aguinaldos, Novena de Natal, e são realizadas em memória de Maria, São José, os três Reis Magos e o Menino Jesus, que buscavam refúgio em um novo local a cada noite. Assim como a novena é rezada e celebrada em uma casa diferente a cada noite.

O Japão, mesmo sendo um país com uma minoria cristã, tem suas celebrações natalinas. O Natal no Japão é desvinculado da religião. Uma das principais diferenças é que essa data do ano é vista como um feriado para os parentes, ao invés de ser um motivo para reunir-se com a família. Os parentes tradicionalmente reúnem-se no ano novo.

A data do Natal em si é bastante ordinária, assim como a véspera. Não é um feriado nacional, então as pessoas trabalham como qualquer outro dia. No entanto, com a crescente popularidade, as festas de Natal acontecem em qualquer um dos dias próximo ao dia 25. A ceia também não se parece nada com a do Brasil. É muito comum os japoneses servirem frangos como refeição.

É importante ter conhecimento das muitas pluralidades do mundo, e quem sabe, até participar de alguma comemoração típica de outro país caso haja a oportunidade. O espirito de Natal não está nas práticas em si, mas no sentimento que é colocado quando realizadas, com amor e alegria.

Leia anterior

Quais tradições natalinas são celebradas pela sua família?

Leia a seguir

Casa da Criança e do Adolescente completa 30 anos de reconhecimento, agradecimento e possibilidades