Quinta, 21 Janeiro 2021

Coronavírus: Campinas avança à fase amarela e reabre salões de beleza, restaurantes e academias, diz prefeitura

Prefeito de Campinas (SP), Jonas Donizette, em transmissão por rede social nesta sexta-feira (7). — Foto: Reprodução/Facebook

A Prefeitura de Campinas (SP) informou nesta sexta-feira (7) que a cidade passará da fase 2 – laranja para a 3 – amarela do Plano São Paulo, que define as regras da reabertura gradual dos serviços em todo o estado durante a pandemia do novo coronavírus. Com isso, bares, restaurantes e praças de alimentação podem voltar a funcionar para consumo local a partir neste sábado (8), mesmo dia da publicação do decreto com as regras e restrições.

A terceira fase, chamada pelo governo estadual de flexibilização, permite a abertura do comércio por seis horas diárias e amplia a capacidade de atendimento de 20% para 40%. Além disso, libera o funcionamento de salões de beleza, cabeleireiros, manicure e pedicure.

Veja as principais mudanças:

  • Restaurantes e bares reabrem para consumo local com 40% da capacidade e seis horas diárias
  • Salões de beleza, cabeleireiros e barbeiras retomam com 40% e por seis horas diárias; sem ambiente de espera e com protocolos sanitários
  • Academias podem reabrir com restrições por seis horas; capacidade de 30% e com agendamento
  • Escritórios em geral também funcionam por seis horas e sem filas
  • Cursos livres com capacidade de seis horas
  • Parques públicos e clubes reabrem gradualmente para atividades individuais a partir de 15 de agosto
  • Templos religiosos podem voltar a receber fiéis com mais de 60 anos, mas com recomendação para evitar, e com 40% de capacidade
  • Retorno das aulas práticas de direção nas autoescolas
  • Comércio de rua e shoppings passam a funcionar com 40% por seis horas diárias
  • A reclassificação das regiões no Plano São Paulo é feita pelo governo estadual, que deve anunciar o avanço do Departamento Regional de Saúde 7 (DRS-7), que inclui Campinas outras 41 cidades, às 12h45, em entrevista coletiva.ShoppingsA prefeitura anunciou também uma mudança no horário dos shoppings. Cada unidade poderá funcionar de meio-dia às 18h ou de 15h às 21h.Segundo a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Alexandra Caprioli, cinco centros de compras vão funcionar no almoço e outros quatro de noite.Duas semanas na fase laranjaCampinas permaneceu com todo o comércio não essencial fechado por 34 dias, entre 22 de junho e 26 de julho. Nesse intervalo, a região caiu da fase laranja para a vermelha, a mais restritivas do plano de retomada.
  • As atividades econômicas retornaram em 27 de julho, quando o DRS-7 retornou para a laranja – que permite atendimento de 20% da capacidade por quatro horas, mas veda consumo de alimentos nos estabelecimentos.Com a reclassificação desta sexta, a região permanecerá na fase laranja até o domingo (9), para na segunda avançar mais uma etapa da flexibilização.Além do DRS 7, a região de São João da Boa Vista também vai ser classificada na fase amarela. Com isso, as cidades de Espírito Santo do Pinhal, Estiva Gerbi, Itapira, Mogi Guaçu, Mogi Mirim e Santo Antônio do Jardim também vao seguir as regras da etapa de flexibilização.

Veja mais notícias sobre Campinas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 21 Janeiro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://jtv.com.br/

No Internet Connection