Sábado, 24 Julho 2021

PREFEITURA DE VINHEDO OBTÉM PACOTE DE CRÉDITO PARA PEQUENOS EMPRESÁRIOS E PRODUTORES RURAIS

Créditos emergenciais estão disponíveis para os micro e pequenos empreendedores de Vinhedo no Banco do Povo para apoiar empresas e agricultores da cidade que estão enfrentando dificuldades econômicas diante da pandemia do coronavírus. Os recursos foram liberados através de parceria entre a Prefeitura de Vinhedo e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico Estadual.

O governo estadual liberou R$ 25 milhões para os municípios do Estado. O Banco do Povo disponibiliza os recursos em microcréditos, que serão oferecidos gradativamente para empreendedores e agricultores interessados.

"Sabemos que a pandemia afetou nossos comerciantes e pequenas empresas, por isso buscamos esse programa que vai auxiliar os empreendedores e também os agricultores a reestruturar seus negócios. Nosso objetivo é garantir que o setor econômico de Vinhedo possa se desenvolver cada vez mais, com produtividade e geração de empregos", disse o prefeito Dario Pacheco.

O prefeito e sua equipe criou um canal aberto de diálogo com o empresariado de Vinhedo para buscar alternativas à crise provocada pela pandemia de coronavírus e também para viabilizar programas de desenvolvimento do potencial das empresas já instaladas na cidade e atrair novas empresas, fortalecendo a economia do município.

Nas últimas semanas, Dr. Dario e secretários têm realizado uma série de reuniões com representantes do comércio, associações e setores diversos que desenvolvem economia local, para ouvir as demandas e buscar soluções.

Microcrédito

O microcrédito produtivo do Banco do Povo será destinado a empresas classificadas como MEI, ME, LTDA e Eirelle e também trabalhadores informais e produtores rurais.

A primeira linha de créditos é para os empreendedores informais e produtores rurais sem CNPJ, com opções de empréstimos de até R$ 15 mil e taxa de juros de 1% ao mês. Já a segunda linha é voltada para empreendedores com CNPJ. Com taxa de juros de 0,35% ao mês, o limite de crédito é de até R$ 21 mil.

Os prazos para pagamento são de até 24 parcelas para capital de giro, como aquisição de matéria-prima para produção ou mercadoria para revender, e até 36 parcelas para investimento fixo, como compra de equipamentos e ferramentas.

Curso de qualificação

A Secretaria de Indústria, Comércio e Agricultura de Vinhedo estima que haverá grande procura de interessados em obter as linhas de crédito, ofertadas conforme a ordem de solicitações. "É uma iniciativa que contribui para impulsionar a economia local. Essas parcerias são de grande importância para o desenvolvimento da nossa cidade", afirmou o secretário municipal, Tiago de Paula.

O empresário interessado no microcrédito deverá realizar um curso de qualificação empreendedora e não ter restrições de crédito. O curso pode ser online ou presencial, oferecido pelo Sebrae-SP. Não é necessário apresentar avalista. Entre os setores mais impactados pela crise do coronavírus estão bares, restaurantes, hotéis, comércio no geral, feirantes, produtores rurais e setor de serviços.

Interessados devem comparecer pessoalmente no Banco do Povo ou entrar em contato por Whatsapp (19) 98391-8329. O Banco do Povo fica na Rua Monteiro de Barros, nº 17, Centro (no Espaço SIM DIGITAL). Dúvidas também podem ser esclarecidas pelos telefones 3886-1077 e 3876-0500.

Veja mais notícias sobre Cidades.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 25 Julho 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://jtv.com.br/