Terça, 07 Dezembro 2021

PROFESSORAS FALAM SOBRE A IMPORTÂNCIA DA PROFISSÃO NA FORMAÇÃO DOS ALUNOS

Mariana Rodrigues e Gabriela Ebert em atividade na escola onde lecionam

Em celebração ao Dia do Professor, nesta sexta-feira, dia 15, Mariana Rodrigues de Oliveira, 38, moradora de Valinhos, bairro Ortizes, trabalha como professora desde 2010, mas já atua na área da educação desde 2005, nos conta um pouco mais da sua profissão nesta data tão especial para a educação.

"Escolhi a pedagogia como uma missão de vida além de profissão, pois, aos 17 e 18 anos queria ser freira e após descobrir que não era a minha vocação, busquei por algo que fizesse muito sentido na minha vida e na vida das pessoas", conta Mariana.

O professor é de grande importância para a sociedade em muitos aspectos na formação da criança como indivíduo, "Principalmente nos dias de hoje, vejo o papel do educador muito mais além de mediador das disciplinas, onde é necessário um trabalho com afeto, ensinando o aluno a ser um cidadão global, que pensa, sente, age... Que sabe lidar com as emoções", completa Mariana. A profissional também cita que a maior dificuldade hoje é na questão da valorização da profissão por parte dos governantes e gestores.

"Em época de pandemia foi necessário me readaptar com o novo sistema/estrutura estando com um bebê pequeno e tendo que dar conta de toda demanda. Graças a Deus tudo parece estar voltando ao seu lugar... Meus alunos estão praticamente 100% de forma presencial e a alegria e gratidão por isso é gigantesca. O retorno foi maravilhoso... Estamos reaprendendo a conviver e trabalhar", finaliza Mariana.

Gabriela Ebert Oliveira Santos tem 29 anos, também moradora de Valinhos, atua como professora há 7 anos, em uma escola particular na cidade e recentemente em uma escola pública municipal da cidade de Campinas. A professora trabalha com alunos do fundamental I e II.

Sobre a importância do professor nesta data tão especial, Gabriela diz, "O professor tem papel fundamental tanto no desenvolvimento acadêmico do aluno como no social e emocional. Principalmente nos tempos atuais. É na escola que o aluno passa grande parte do seu tempo e com isso nosso papel é muito importante no desenvolvimento dele".

Além da dificuldade da falta de valorização profissional dos professores, Gabriela conta que ao mesmo tempo é um grande desafio, principalmente na época da pandemia, "Uma corrida muito grande para continuar atendendo com qualidade e da melhor forma possível os alunos, mesmo fora da escola. Foi um aprendizado diário, avaliando e mudando as estratégias diariamente para que se ajustassem e atendessem da melhor forma possível as crianças naquele momento, a parceria dos pais e da escola foram essenciais. Aos poucos a rotina na escola está voltando ao normal. Estamos seguindo todos os protocolos de prevenção e retomando diariamente com as crianças os cuidados necessários", finaliza a entrevistada. 

Veja mais notícias sobre Entrevistas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 07 Dezembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://jtv.com.br/