Quarta, 26 Janeiro 2022

Consultas urológicas caem na pandemia e sociedade alerta população

Campanha Novembro Azul chama atenção para o câncer de próstata

8 NOVOS CASOS DE COVID-19 SÃO CONFIRMADOS EM VALINHOS

17.571 casos de munícipes já foram descartados

DOSE DE REFORÇO PODE SER APLICADA EM PROFISSIONAIS DA SAÚDE NO POSTO FIXO DA VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA OU CENTRO DO IDOSO

Não haverá sistema Drive-Thru e não será permitido levar acompanhante

12H ABRE AGENDAMENTO EM VALINHOS PARA 2ª DOSE DE PFIZER AOS VACINADOS ATÉ DIA 27 DE AGOSTO

Estarão disponibilizadas 1000 vagas

ENTENDA OS INTERVALOS ENTRE AS DOSES DA VACINA CONTRA O COVID-19

A vacinação da cidade de Valinhos acontece em um ritmo rápido e já está aplicando a dose de reforço

HOMEM DENUNCIA FALTA DE ITENS NA REDE PÚBLICA PARA DIABÉTICOS

A farmácia do Centro de Saúde da Vila Santana confirmou que possui estoque da insulina nph para atender os munícipes diabéticos

VALINHOS CONFIRMA DUAS MORTES POR COVID-19

17.153 casos de munícipes já foram descartados

NESTE SÁBADO (16) VALINHOS TERÁ DIA ‘V’ DE MULTIVACINAÇÃO

Será um dia de mobilização nacional dentro da Campanha de Multivacinação que prossegue até o dia 29 de outubro

AGENDAMENTO PARA 2ª DOSE DE PFIZER SERÁ ABERTO ÀS 12H AOS VACINADOS ATÉ 13 DE AGOSTO

Não haverá sistema Drive-Thru e não será permitido levar acompanhante

Taxa de letalidade da COVID-19 cai para 2,69% em Valinhos

As internações pela doença também estão em queda. Nesta terça-feira (10), 27 pacientes estão internados em leitos de UTI Covid, nos dois hospitais da cidade, Santa Casa e Galileo, mantendo o menor número de internados deste ano de 2021

São Paulo endurece medidas para conter nova onda letal da pandemia

Com internações em alta e novas variantes, governo de SP deve endurecer quarentena

Depressão na Terceira Idade:

Um Mal que Não Pode Ser Ignorado.

Alimentação na Pandemia e Isolamento Social

Vamos organizar alimentação nessa nova realidade.

Pesquisadores da Unifesp apresentam tratamento que pode ser a cura do HIV

A Universidade Federal de São Paulo (UnIfesp) realizou o primeiro estudo, em escala global, para testar um supertratamento em indivíduos cronicamente infectados pelo vírus