Domingo, 20 Junho 2021

Valinhos endurece restrições e entra na fase emergencial para conter pandemia

Valinhos tem a maior proporção de leitos de UTI para cada 100 mil habitantes da Região Metropolitana de Campinas - Divulgação

A cidade de Valinhos, a partir do dia 15 de março, entra na Fase Emergencial do Plano São Paulo. O anúncio foi feito pelo Governo do Estado no início da tarde desta quinta-feira e vale a partir de segunda, dia 15, até o dia 30 de março. O Estado anunciou medidas mais restritivas para o período, como a restrição de funcionamento de lojas de materiais de construção, serviços de retirada de todos os setores, atividades esportivas e celebrações religiosas coletivas. Ainda, o Estado determinou o Toque de Recolher entre 20h e 5h.

A Prefeitura de Valinhos vai adequar o Plano Valinhos ao decreto do Governo do Estado. Igrejas na cidade já não estavam realizando celebrações coletivas, apenas atendimentos individuais, que seguem permitidos assim como celebrações online. E as escolas particulares, conforme decreto do Estado, terá a recomendação para que todas as atividades sejam reduzidas ao mínimo necessário para diminuir a circulação de pessoas. O Estado deixou claro que a responsabilidade é dos pais com a direção de escola, porém, as unidades particulares de Educação Infantil e Fundamental estão autorizadas a funcionar pelo Plano São Paulo, com as regras de, no máximo 35%, de alunos presentes.

"É um momento muito delicado. Precisamos, ainda mais, uns dos outros, cumprindo os protocolos de uso de máscara, higienização das mãos e, sobretudo, manter o distanciamento social e não participar e não promover aglomerações. Os hospitais estão lotados; não há leitos de UTI e enfermaria. A UPA, mesmo tendo aumentado em 64% o número de leitos, também está no limite. Estamos seguindo bem com o plano de vacinação, aderimos ao Consórcio Nacional de Vacinas das Cidades Brasileiras e precisamos também manter estas regras de restrição, pela Vida", afirmou a prefeita Capitã Lucimara.

A prefeita confirmou também que há estudos para 2 importantes ações. O primeiro estudo é a possibilidade de implantação de novos leitos de enfermaria no CEV I (Centro de Especialidades de Valinhos), para auxiliar no atendimento aos valinhenses. Também está em estudo a implantação de um hospital de campanha, que poderia contar com leitos de enfermarias e UTI´s. Nos próximos dias, detalhes destes estudos serão complementados.

As barreiras sanitárias e fiscalizações da Guarda Municipal e da Vigilância Epidemiológica de Valinhos serão intensificadas nestes dias.

Fase emergencial do Plano São Paulo - 15 a 30 de março

-Toque de recolher entre 20h e 5h

- Proibição do uso de parques

- Proibição de qualquer aglomeração

- Usar máscara em todos os ambientes, internos e externos

Atividades com restrição completa

- Serviço de retirada (take-away) de todos os setores

- Lojas de materiais de construção

- Celebrações religiosas coletivas (recepção pode ser individual; celebrações on line permitidas)

- Atividades esportivas

Teletrabalho obrigatório para atividades administrativas não essenciais

- Órgãos públicos

- Escritórios e qualquer atividade desde que o setor não seja essencial

- Não autorizada a entrega de alimentos e produtos ao cliente no estabelecimento comercial

- Permitido somente serviços de drive-thru (entre 5h e 20h) e delivery 24h para restaurantes e outros estabelecimentos comerciais

Os serviços essenciais como supermercados, postos de combustíveis e voltados para área de saúde podem funcionar 24 horas.

O que continua fechado

- Comércio de rua e shoppings

- Bares e restaurantes (somente delivery)

- Venda de bebidas alcoólicas depois das 20h (apenas permitido em supermercados)

- Salões de beleza, cabeleireiros e similares

- Academias, centros esportivos e clubes sociais

- Igrejas: celebrações coletivas (individuais são permitidas)

- Aulas presenciais em faculdades, com exceção dos cursos superiores da área de saúde

- Cinemas, teatros, salas de espetáculos, museus, galerias e bibliotecas

- Eventos e convenções

Atividades liberadas

Saúde: hospitais, clínicas, farmácias, clínicas odontológicas, lavanderias e estabelecimentos de saúde animal;

Alimentação: supermercados, hipermercados, açougues e padarias, lojas de suplemento, feiras livres (diurnas e noturnas). É vedado o consumo no local;

Bares, lanchonetes e restaurantes: serviços de entrega (delivery) e que permitem a compra sem sair do carro (drive-thru até 20hs). Válido também para lojas em postos de combustíveis; Há proibição de vendas de bebidas alcoólicas depois das 20h.

Abastecimento: cadeia de abastecimento e logística, produção agropecuária e agroindústria, transportadoras, armazéns, postos de combustíveis;

Logística: estabelecimentos e empresas de locação de veículos, oficinas de veículos, transporte público coletivo, táxis, aplicativos de transporte, serviços de entrega e estacionamentos;

Serviços gerais: lavanderias, serviços de limpeza, hotéis, manutenção e zeladoria, serviços bancários (incluindo lotéricas), serviços de call center, assistência técnica de produtos eletroeletrônicos e bancas de jornais;

Segurança: serviços de segurança pública e privada;

Comunicação social: meios de comunicação social, inclusive eletrônica, executada por empresas jornalísticas e de radiodifusão sonora e de sons e imagens;


Serviços da Saúde no Município*:

Centro de Especialidades Odontológicas (CEO):

- Atendimento na semana normal;

- O plantão aos sábados atenderá mediante entrega de senhas;


UBS:

- As consultas odontológicas eletivas serão suspensas e os atendimentos serão apenas para urgências e emergências;

- Manteremos os atendimentos médicos normalmente;

- Haverá a redução de 50% na coleta de exames laboratoriais de rotina.


CEVs 2 e 3:

- Serão suspensos os atendimentos da especialidade de Cirurgia plástica.


*Estão suspensas todas as reuniões, inclusive os grupos de trabalho dos conselhos comunitários de saúde nas UBS.

Veja mais notícias sobre Valinhos.

Veja também:

 

Comentários: 3

Giséle Contin comisso queiroz Guimarães em Quinta, 11 Março 2021 20:10

O ÚNICO JEITO É AJUDARMOS FICANDO EM CASA, TODOS E TODAS E TODES!!! UM LOCK DOWN DE VERDADE É O ÚNICO TRUNFO AGORA!!CORAGEM! FAÇAM!!!

O ÚNICO JEITO É AJUDARMOS FICANDO EM CASA, TODOS E TODAS E TODES!!! UM LOCK DOWN DE VERDADE É O ÚNICO TRUNFO AGORA!!CORAGEM! FAÇAM!!!
Claudia Corrêa de Souza em Quinta, 11 Março 2021 21:46

Verdade, precisamos nos unir por um bem comum: vencer o covid para que nossas vidas possam voltar ao normal ?

Verdade, precisamos nos unir por um bem comum: vencer o covid para que nossas vidas possam voltar ao normal ?
Miguel em Terça, 16 Março 2021 20:10

Acho uma vergonha o que alguns médicos de Valinhos estão fazendo com os pacientes, receitando ibuprofeno e mandando ficar em casa até se sentirem melhor, ou até que a saúde chegue em um estado irreversível. Quase toda a minha família pegou o COVID19, incluindo meu pai de 81 anos, e graças a Deus ainda existem médicos como o Dr. Nelson Simões que honra sua profissão e acredita no tratamento precoce, com medicamentos que quando associados vem provando cada vez mais sua eficácia. Tenho alguns conhecidos que infelizmente caíram nas mãos de "médicos" que recomendam ibuprofeno e mandam o paciente ir pra casa falando que não tem o que fazer. Isso sim é genocídio! Deveriam pedir a conta, assim como essa prefeita que na minha opinião está se mostrando ser o Dória de saias.

Acho uma vergonha o que alguns médicos de Valinhos estão fazendo com os pacientes, receitando ibuprofeno e mandando ficar em casa até se sentirem melhor, ou até que a saúde chegue em um estado irreversível. Quase toda a minha família pegou o COVID19, incluindo meu pai de 81 anos, e graças a Deus ainda existem médicos como o Dr. Nelson Simões que honra sua profissão e acredita no tratamento precoce, com medicamentos que quando associados vem provando cada vez mais sua eficácia. Tenho alguns conhecidos que infelizmente caíram nas mãos de "médicos" que recomendam ibuprofeno e mandam o paciente ir pra casa falando que não tem o que fazer. Isso sim é genocídio! Deveriam pedir a conta, assim como essa prefeita que na minha opinião está se mostrando ser o Dória de saias.
Visitante
Domingo, 20 Junho 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://jtv.com.br/