Terça, 18 Janeiro 2022

Vinhedo está preparada para adquirir vacinas para os moradores, após decisão do STF

A compra foi autorizada pelo STF em caso de descumprimento do Plano Nacional de Vacinação pelo governo federal ou de insuficiência de doses previstas para imunizar a população - Divulgação

A Prefeitura de Vinhedo está preparada para adquirir doses da vacina contra a covid-19 assim que a compra for permitida. Nesta terça-feira (24), o prefeito Dario Pacheco entrou em contato com a Frente Nacional de Prefeitos (FNP) para solicitar informações sobre o consórcio de municípios interessados em comprar vacinas. Ao mesmo tempo, a Secretaria de Saúde está em contato com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para solicitar informações sobre a aquisição das doses.

"Estamos prontos para comprar a vacina assim que possível e gostaríamos muito de viabilizar essa compra para vacinar nossos moradores com rapidez", afirmou o prefeito Dario Pacheco.

Nesta terça-feira, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que estados e municípios podem comprar vacinas para os moradores, em resposta a uma ação judicial proposta pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

A compra foi autorizada pelo STF em caso de descumprimento do Plano Nacional de Vacinação pelo governo federal ou de insuficiência de doses previstas para imunizar a população.

A liberação também vale para os casos em que a Anvisa não conceda autorização em 72 horas para o uso de imunizantes aprovados por agências reguladoras de outros países.

"Estamos seguindo o calendário do governo estadual, mas já nos mobilizamos para verificar as alternativas possíveis para agilizar a vacinação com a compra de vacinas pelo município, desde que sejam vacinas testadas e aprovadas", afirmou o prefeito.

A Saúde de Vinhedo espera para esta quinta-feira (25) um novo lote de vacinas para imunizar a população com 80 anos ou mais, estimada em 1 mil moradores na cidade. A vacinação está marcada para acontecer em sistema de drive thru, no sábado e domingo no Parque Municipal Jayme Ferragut, das 10h às 15h.

A Saúde também espera receber nesta quinta um lote de vacinas para aplicar a segunda dose nos moradores com 90 anos ou mais e em profissionais de saúde já imunizados pela vacina Butantan/Coronavac, que cuja segunda dose deve ser aplicada 21 dias após a primeira. 

Veja mais notícias sobre Valinhos.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 18 Janeiro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://jtv.com.br/